Feeds:
Posts
Comentários

Archive for outubro \30\UTC 2009

PENSE

Muitas vezes, almejamos coisas que quando alcançados nos levam ao arrependimento por tê-las almejado, para se almejar é preciso primeiro saber avaliar o que almejamos.

Todos querem a liberdade, mas muitas vezes ela ao ser concedida, leva a servidão. Rm 12; 16.

Para meditar: O homem quis ter independência para ter liberdade, e acabou dando a liberdade como pagamento da independência.   Nábulus

Anúncios

Read Full Post »

Catálogo de crentes

Slide1

Read Full Post »

Estudando a Bíblia

TERRA EM TREVAS  (choshek-Hb)INSPIRAÇÃO

 

Trevas – Pode se referir a escuridão natural prevalecente no espaço cósmico, pois o Sol e a Lua somente foram criados no quarto dia da criação, em Gn 1: 14 a 19, pode se referir a  falta de luz referente ao entendimento das coisas divinas como está em Mt 4: 16, onde a terra mesmo com o Sol brilhando, estava em trevas e o povo assentado em trevas e na região e sombra da morte, pelo desconhecimento de Deus. Faltava ao povo a luz da verdade de Jo 8: 12, 9: 5 e 12: 46, que era Jesus Cristo e se manifestava naquele momento.  

Se no início havia o caos, havia a falta da presença de Deus, que agora restaura a ordem a partir do caos, e na seqüência acende a luz sobre iluminando as trevas.

 

Luz

Até que a Bíblia fosse escrita nada sabíamos sobre o Deus único e Criador de todas as coisas, existiam até então muitos deuses, e muitas religiões. O homem nunca descobriu ao verdadeiro Deus, foi Ele quem se revelou ao homem por sua vontade, através da Bíblia, para trazer luz sobre as trevas religiosas da humanidade. Sem a Bíblia nada sabemos sobre o Deus único e Criador de tudo.     

 

Falta  de luz

Jo 3: 19 a 21 e  1: 9 e 10.  Trevas além da escuridão natural, são também a falta de luz de entendimento de Deus, Sl 119: 105, Deus é luz, 1Jo 1: 5, Jesus se revelou como luz em Jo 1: 11,  9: 5,  8: 12 e 12: 46, os crentes são luz do mundo pelo conhecimento da palavra de Deus, como em Mt 5: 14

Quem não tem Deus está em trevas, a terra sem Deus é trevas, onde Deus não está não há conhecimento de sua luz. (Sl 36: 9 e Pv 6: 23)

.

Face do abismo, semelhante aos oceanos profundos onde a luz solar não chega, a face da terra estava nas profundezas, oculta pelas águas, um lugar profundo, baixo, sem luz e sem Deus, abissal, de queda continua.

Sl 42: 7 – O pecado trás os abismos onde o homem pecador se afunda.

104: 6 e Pv 8: 27 –  O dilúvio,  água sobre todo o abismo, Terra, e Deus a traçar a  redondeza da terra com compasso, recriando a superfície do abismo.

Tudo isso significava que a terra (Édem de Ez 28: 13), estava caótica e em trevas pela rebelião angelical.

 

Read Full Post »

ÉTICA

Outro dia ouvi uma definição sobre ética que dizia: “Ética é aquilo que Mesafazemos corretamente, mesmo que não haja ninguém olhando”, ou seja, mesmo em oculto o que é fiel a seus princípios age de forma idônea, irrepreensível, ao contrário do que está em Ef 5: 12, onde até mencionar a obra feita em oculto já é torpeza que é o que caracteriza muitos hoje em especial na política mas até mesmo entre os crentes.

A Ética segundo os entendidos, esta vinculada a três pilares básicos:  o querer, o poder, o dever.  Quero porém,  não posso fazer,  quero e posso, mas não devo fazer,  posso e devo fazer,  mas não quero fazer.

Muitas vezes queremos, mas não temos condições para fazer, como ocorre em uma grande dívida a qual reconhecemos como nossa, mas não temos como saldar. Outras vezes querermos e podemos, mas os resultados avaliados não aconselham a que se faça por bom senso. Quando não devo fazer mesmo querendo e podendo? Quando não existe nenhum motivo ético real para que eu faça, como por exemplo, uma dívida imputada a mim de forma indevida, quero e posso pagar porém, não devo.

A ética está ligada a princípios de justiça e não somente de boa conduta ou de caráter, como o amor, que praticado sem a medida correta, pode ser prejudicial isentando o culpado ou o impedindo de arrepender-se. Ec 7: 16 e 2 Co 10: 12 e 13

A ética está ligada a verdade, a justiça e a moral, e deve ser exercitada sempre, mesmo em oculto, pois aquele que vê secretamente dará a recompensa devida. Mt 6: 6.

Read Full Post »

Dica útil

Você sabe qual é o limite de tolerância de velocidade no transito?Dicas útéis cópia

De 0 até 100 km por ora o limite e sete quilômetros acima do permitido, ou seja, 40 + 7,  60+ 7,  80 + 7. isso e decorrente de ajuste entre os equipamentos que medem e os do automóvel

 

Acima de 100Km por ora, o limite muda para sete por cento, da velocidade máxima permitida, ou seja, 100Km x7%=107Km,  110Kmx7% +107.7Km .  Fique atento, dirija com cuidado. 

 

Entenda a multa por apenas um Km a mais.

Muitos crentes costumam se revelar ao volante, este é um alerta para eles.  

Quando alguém é multado, muito comumente diz: fui multado a 61Km por ora em rua onde era permitida a velocidade máxima de 60Km/h por ora, por um Km a mais me multaram!

Não é verdade, você deve saber que estava a 68Km/h, e que se abateu a tolerância de sete quilômetros caindo essa velocidade  para os 61Km/h que você recebeu, e que houve tolerância de ajuste de sete quilômetros hora, entre os equipamentos medidores do radar e de seu veículo. Se você tivesse passado a 61Km/h ora não teria sido autuado e multado estaria dentro da tolerância.

Ex: velocidade aferida 68Km/h, – 7Km/h  = a 61Km ora

 

Para meditar: O crente na igreja é um santo, entretanto, no trânsito para ela ele se revela.

Read Full Post »

Super heróis

Papaye F

Read Full Post »

O CÃO ERRANTECão errante

 

Eu fazia caminhada na rua, a frente, a pouca distância andava um homem, o que costumo evitar,  para não perder a concentração da caminhada, o buzinar dos carros me chamou atenção e vi que a causa era um cachorro errante semelhante ao vagabundo do Disney que perambulava pela  rua.

Passou a seguir a mim e ao homem a minha frente, era alegre e curioso, examinava tudo e corria para nos alcançar, parecia perdido, pois era bem tratado. Ao ver voar uma pomba correu como querendo apanhá-la, apenas para justificar sua condição de cachorro.

Seguiu o homem para dentro de um estacionamento o que vendo aproveitei para atravessar a rua pensando em me livrar dele, de dentro do estacionamento olhou fixo para mim  e atravessou a rua em minha direção, pensei então voltar ao outro lado onde era melhor para andar, e o  fiz, percebi que também retornava para estar me seguindo e fiquei apreensivo, havia muitos carros agora e vi que estava no meio da rua atrás de mim,  vi um carro vindo e em seguida escutei um forte e seco  baque uma freada e um uivo de dor. Me arrepiei e fiquei pesaroso temendo olhar atrás, o homem a minha frente olhava e  balançava a cabeça consternado, confesso ter me sentido culpado, pois ele me seguia,  de repente ele passava a meu lado, meio atordoado, sob o olhar espantado de todos, vi que estava aparentemente inteiro, somente com os pelos desarranjados agora, orei por a Deus para que o poupasse, e para que não tivesse nenhuma seqüela além da dor que sofrera, mas nada fiz por ele, na verdade não sabia o que fazer.

Continuei para não perder o rítimo, e ele farejando aqui e ali,  ficou para trás,  porém fiquei muito penalizado e o ocorrido não me saia da cabeça, me analisei, e conclui como sou falho, aquele cachorro queria ser meu amigo por um tempo, nada mais,  mostrou querer caminhar comigo, fazer companhia, um sentimento de tristeza tomou conta de mim, pois após um trauma tão grande que sofreu e muito assustado, o mínimo que queria era um afago de alguém e o máximo que fiz foi balançar a cabeça condoído e reprovando o motorista que o atropelou, fui apenas conveniente e não amigo.  

 

Não foi um acaso, como eu sempre digo que sou o cachorro de Deus, ele me mostrou que não fui solidário nem com o meu pressuposto semelhante, não lhe dando o mínima atenção em seu infortúnio, imagine se Deus agisse assim comigo.

Com o carro, procurei por ele e o achei e me senti alegre ao ver que estava bem e perambulando desajeitado, seguindo um e outro que passava, e pensei não sei o que fazer por ele, que tenha boa sorte e seja encontrado se estiver perdido.

Ele e eu temos algo em comum, ambos somos criação do mesmo Deus.

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: